quarta-feira, 12 de junho de 2019

Carta do Infante D. Henrique a Maomé II, sultão dos turcos

Infante Dom Henrique, à esquerda de São Vicente, Nuno Gonçalves
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs








Em 1453, Maomé II conquistou Constantinopla. Logo depois se voltou para a Europa, avançando em várias frentes.

Em 1456 assaltou Belgrado, sendo barrado por Hunyadi e São João Capistrano.

Durante o pontificado de Pio II, ele tomou a Bósnia, ameaçou a Hungria, a Herzegovínia e a própria Veneza.

Na Albânia travou combates repetidos com Skanderbeg, o qual até sua morte sempre os repeliu com êxito.

Ao mesmo tempo, a partir da África, os muçulmanos ameaçavam reforçar Granada e, a partir dessa cidade, irromper novamente na Espanha.

Por todas essas razões o Papa Calisto III, convocou uma cruzada contra Maomé II.

Portugal respondeu favoravelmente, tendo o Infante D. Henrique enviado ao poderoso sultão da Ásia a seguinte carta de desafio:

Infante Dom Henrique, o Navigador
“Eu, o Infante D. Henrique, regedor e governador da Ordem de Cavalaria de Nosso Senhor Jesus Cristo, Duque de Vizeu, Senhor de Covilhã, filho dos muito altos e excelentes e de grande memória senhores El-Rei D. João e Rainha Filipa do Reino de Portugal e do Algarve e senhores do senhorio de Ceuta, que Deus haja suas almas:

“A ti, Mafamede, imperador dos turcos, faço saber que a mim foi notificado onde vivo, no cabo do mundo, do movimento que fizeste em vires tomar Constantinopla e trabalhares de guerrear a Cristandade,

“por a qual razão nosso senhor o Santo Padre o fez saber ao muito alto, e muito honrado, muito poderoso El-Rei meu senhor e sobrinho, filho de meu irmão, enviando-lhe a cruzada contra ti, a qual ele tomou com grande devoção, eu e outros seus servidores;

Maomé II, Bellini
“e depois disto houve notícia da tua grande maldade, por a qual Nosso Senhor Deus por muitas vezes deu as penas por sua justiça aos merecedores delas, como fez aos de Sodoma e Gomorra, a qual maldade a toda a humanidade deve ser aborrecida, porque não é humana, nem bestial, mas diabólica.

"Por onde te notifico como a dita cruzada tenho tomada contra ti, e te punirei por mim e por todos aqueles que desejam meu serviço, até o fim de tua morte, porque te hei por julgado por sentença de Deus;

“e isto te faço assim saber, para alguns que de ti ficarem não poderem dizer que te trouxe a morte sem te a fazer saber;

“e esta carta e outras duas te envio para, se uma não te for dada, que a outra te dêem, para haveres certidão de minha firme vontade”.


GLÓRIA CASTELOS CATEDRAIS ORAÇÕES HEROIS CONTOS CIDADE SIMBOLOS
Voltar a 'Glória da Idade MédiaCASTELOS MEDIEVAISCATEDRAIS MEDIEVAISORAÇÕES E MILAGRES MEDIEVAISHERÓIS MEDIEVAISCONTOS E LENDAS DA ERA MEDIEVALA CIDADE MEDIEVALJOIAS E SIMBOLOS MEDIEVAIS

Um comentário:

  1. "Aborto Não PT Não" é um site "pró-vida" para divulgação da política "pró-aborto" do PT.

    ### Por favor nos ajude a divulgar. ###
    ### Para ajudar, você pode colocar um link no seu blog. ###

    http://www.AbortoNaoPtNao.com

    Obrigado!

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.